Praganas: um perigo para o seu animal

 In Animais de estimação, Cães

Com o avançar da primavera e a chegada do verão, começam a proliferar as praganas. Estas pequenas espigas, que se formam em algumas ervas silvestres, são perigosas para a saúde do seu animal. Esteja atento e leia o nosso artigo.

Como são?

As praganas são barbas triangulares de diversas plantas que, com a chegada do calor, secam e tornam-se um perigo para os patudos. Como são triangulares, têm a consequência de perfurar facilmente e serem difíceis de remover.

Onde se alojam?

As praganas costumam alojar-se principalmente nos ouvidos, narinas e espaços interdigitais (almofadinhas das patas). Quando perfuram a pele, podem originar inflamações que, se não forem tratadas de início, podem dar origem a infeções.

Quais são os sintomas das praganas?

  • Abanar a cabeça
  • Espirros com sangue
  • Inchaço nas patas ou noutra zona onde esteja a pragana
  • Chorar/ladrar

Como é feito o tratamento?

O tratamento passa por uma exploração cirúrgica para remoção da pragana.

Observação Macroscópica

As praganas, na maior parte das vezes, não são visíveis exteriormente, pois a parte que não perfurou a pele acaba por se partir, mas o inchaço é notório.

Recomendamos que não deixe o seu patudo frequentar locais com vegetação seca e que no final das caminhadas faça uma observação pelo seu pêlo, orelhas, nariz e entre as patinhas.

Se notar que o seu amigo de quatro patas parece ter praganas, contacte-nos através do geral@veterinario.pt ou do +351 21 3972 997.

Recommended Posts

Leave a Comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Obesidade nos animais de companhiaComo tirar boas fotos ao seu pet